Com 25 anos, Jeison já faliu e se renovou como empreendedor de Impacto

09/04/2019

Atual sócio da Plant – Fazendas Urbanas, o jovem Embaixador Choice faz do empreendimento de impacto seu propósito e carreira.

Ao longo de sua graduação em Engenharia Ambiental, Jeison Cechella sempre buscou se conectar com ações que tivessem a missão de ajudar o mundo em que vive. Nesse caminho ele se envolveu em iniciativas como o Movimento Empresa Junior, Ligas Universitárias e o próprio Choice, no qual se formou Embaixador na Turma 5, em 2013.

 

Com vontade e motivação de fazer diferente, Jeison criou a Reverse, seu primeiro negócio de impacto socioambiental, que desenvolvia soluções colaborativas para a gestão de resíduos e realizou atividades durante dois anos. Mas a sua vida de empreendedor social não parou por aí.

 

Atualmente, Jeison faz parte da sociedade da Plant, um negócio social que trabalha na instalação de hortas em espaços subutilizados por grandes empresas ao mesmo tempo em que  busca gerar renda e dignidade para a população em situação de vulnerabilidade socioeconômica. A ideia teve seu start oficial durante um hackathon na Campus Party BR, em 2017, sendo a solução vencedora e premiada pela ONU por trabalhar com 14 dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. O negócio também já foi finalista em outras premiações internacionais e, no ano passado, Jeison recebeu o Prêmio Laureate Brasil Jovem Empreendedor Social em 2018 pela organização.

 

Jovem empreendedor premiado (Jeison já foi reconhecido pelo Prêmio Ozires Silva de Empreendedorismo Sustentável), ele acredita que “as novas gerações já abraçaram as causas e a colaboração como ferramenta de solução de problemas” e decidiu seguir uma carreira engajado em negócios de impacto social.

 

Pra entender e conhecer mais a sua história, batemos um papo com ele que você confere a seguir!

 

Como você se conectou a Plant?!

Graças a Reverse e mais especificamente, participação de um evento em São Paulo é que meu caminho se cruzou com o da minha futura sócia, e até então única fundadora da futura Plant – Fazendas Urbanas.

Eu participei da CP 17, como expositor no espaço startup & Makers do meu antigo negócio social.  Acabei não tendo tempo de participar do Big Hackaton da ONU (que foi o momento em que a Plant foi criada pelo time que estava com a fundadora, a Lê Andrade).

 

Minha história com a Plant começa meses depois durante a final do Prêmio CITI para Jovens empreendedores em São Paulo. Evento organizado pela Aliança Empreendedora, onde tive a oportunidade de conhecer historias inspiradoras de empreendedores de diversas partes do Brasil. E uma dessas histórias acabou me inspirando muito e o negócio que essa pessoa tinha, me encantou ainda mais.

Foi nesse ponto que conheci minha atual sócia, Lê Andrade, idealizadora da Plant – Fazendas Urbanas. Tempos depois do Prêmio e após algumas conversas surgiu a parceria que se transformou em sociedade!

Hoje, somos sócios a Lê, eu e o Jean Roversi, que participou da mesma turma de Embaixadores Choice que eu, em Florianópolis, e 4 anos depois nossos caminhos voltaram a se cruzar.

 

Jeison (direita) com seus sócios Jean e Lê Andrade.

 

Sabe aquela frase do Steve Jobs “Olhando para trás que a gente consegue conectar os pontos...”? Ela faz total sentido dentro da Plant. Olhando para trás percebo como cada participação em movimentos, eventos e outras atividades me fizeram conhecer pessoas incríveis que viriam a se tornar minhas sócias em um negócio de impacto socioambiental.

 

Como foi sua trajetória e decisão de entrar em negócios de impacto?

Desde que comecei a me envolver em iniciativas dentro e fora da universidade, eu via o quão transformador os negócios podem ser. Transformar realidades, comunidades, cidades... o mundo.  Esse desejo sempre esteve incutido dentro de mim. Foi natural e orgânico acabar me envolvendo com negócios de impacto.

 

Você lembra em que momento escolheu direcionar sua carreira para esse objetivo?

Meu "call to action" aconteceu após uma visita a uma cooperativa de catadores de lixo alojada dentro de um aterro. Vivenciando o dia-a-dia dessas famílias, lidando com materiais muitas vezes perigosos e condições sub-humanas me fez perceber que precisamos urgentemente mudar nossa relação com o lixo. Não há saída, devemos mudar nossos hábitos e nossa  percepção. As novas gerações abraçaram as causas digitais e colaboração como fonte de solução de problemas, combinar todo este impulso transformativo com causas ambientais foi uma consequência natural para este jovem que quer desfrutar de um futuro melhor para si mesmo, para toda a sociedade e para as gerações vindouras.

Tendo consciência do meu poder e dever de transformar essa realidade que presenciei, fundei o meu primeiro negócio de impacto social, a Reverse. A Reverse tinha como objetivo ajudar as pessoas, empresas e as cidades a lidarem de uma forma melhor com todo o lixo produzido. Foi uma jornada muito bacana de aprendizado, através da Reverse, participei de iniciativas inspiradoras, como Social Good Brasil Lab, Reb Bull Amaphiko, Brazil Lab, entre outras. Porem infelizmente a Reverse acabou falindo após alguns anos, mas está tudo bem, isso faz parte da jornada de qualquer empreendedor.

 

Passar pelo Programa de Embaixadores Choice fez diferença na sua escolha?

Ter a oportunidade de me envolver com o Movimento CHOICE e conhecer jovens incríveis durante a formação foi um catalisador para essa motivação. Conhecer tantas histórias, estudar a fundo cases de negócios de impacto e saber que assim como eu existem tantas outras pessoas buscando fazer a diferença positiva em nosso mundo, foi inspirador e motivo para de uma vez por todas tirar a bunda da cadeira.

 

 

São histórias de jovens assim que nos inspiram todos os dias! Ver que nossos Embaixadores seguiram uma trilha de impacto, seja empreendendo seu negócio ou intraempreendendo na empresa em que trabalha nos enche de orgulho e de motivação. Agarre as oportunidades que aparecerem para você, se engaje, se renove!

 

É nesse movimento que cremos estar a revolução da transformação social que tanto queremos.

 

 

Facebook
Twitter
Please reload

Já conhece a Experiência Changemaker?

A experiência em Inovação Social para profissionais do futuro.

Receba as novidades do Choice!

Mudar o mundo começa
com a sua escolha!
Vem pro Choice!

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • LinkedIn - Círculo Branco

© 2019 Movimento Choice. Todos os direitos reservados.